You Belong With Me - Chapter One




You Belong With Me
Chapter One

POV. (S/N)



Estava andando pelas ruas, enquanto a água da chuva caia sobre o meu rosto, se misturando com as lágrimas de meus olhos.
Não parava de me lembrar daquela cena. A pior de todas: ter que enterrar Jolie.
Mas, essa também não foi a pior. A pior vai ser depois... Depois que eu acabar com aquele cretino do Zayn Malik. Que matou a minha irmã.
Ele era o demônio em pessoa. Tinha medo do seu olhar severo e vazio. Me dava repulsa em olha-lo tão acentuadamente.
Respirei fundo e continuei andando, sem olhar para trás.
Avistei um bosque, nele tinha o poço bem antigo, talvez da época da primeira guerra mundial.
Peguei minha faca e a lavei. Também limpei minhas mãos que estavam repletas de sangue.
Precisava daquele armamento, pois era fato, nítido e obvio que estava prestes a enfrentar diversas pestes, depois que resolvi virar uma caçadora.
Fosse o que fosse, a minha missão era matar essas criaturas.
Não estava pra brincadeira, afinal, não brinco à anos. Estávamos vivendo tempos difíceis. O mundo havia assumido uma forma totalmente devastada. As trevas pairavam pela Terra. Não queria acreditar, mas sim, eu estava sozinha. E sou mortal.
(...)
Estava no bar, da estrada bebendo uma gelada. O mundo estava se acabando, devido às terríveis obras de criaturas sobrenaturais.
Depois de um longo suspiro dei um gole em minha cerveja.
Um homem se achega para perto de mim. Recuei ao ver que uma de suas mãos queriam tocar meus seios. Sem hesitar dei um soco nele.
O homem, com olhar severo, me olhou raivoso e sem entender me atacou. Não era exatamente o que eu havia pensando. Ele era um vampiro?!
Peguei minha arma e a engatilhei. Olhei ao me redor para pedir ajuda, mas era como se o bar tivesse sumido.
Era como se ele tivesse me teletransportado para um outro lugar.
Era uma floresta, tinha um cheiro insuportável de sangue misturado com enxofre.
Pisava cautelosamente, sabendo que aquilo tudo foi apenas o homem misterioso que criara.
Parecia ser um mundo de simulação, mas de um jeito que nunca tinha fim.
A floresta era densa e fria. Uma bruma que não permitia que eu enxergasse absolutamente nada.
Vi um casal transando em uma arvore e resolvi passar direto. Vi um homem de terno andando com pressa. Vi uma moça gorda, com uma torta nas mãos.
Eu não estava entendendo mais nada. Foi quando me liguei... Se tratava de um vampiro que tem o poder de teletransporte e de manipular a mente das pessoas.
Respirei fundo, e continuei a caminhar.
-Seu cretino, você acha que me engana? Babaca! - gritava.
-Se eu fosse você, calava a boca em vez de ficar me xingando. Shiii! Eles vão ficar com raiva. - se aproximava.
-Que merda! Me tira daqui seu imbecil. Vagabundo! - o xinguei.
-Será? Será? Romano sem Roma, nunca será! Assim, como você sem mim... Para sair daqui é necessário que me faça um favor!
-E por que eu faria?
-Porque uma coisa muito maior que você imagina, está prestes a acontecer. E você é um dos alvos!
-Okay, mas eu dou meu jeito! - disse eu.
-Bom... Digamos que sua irmãzinha corre perigo.
-Hahaha! - o segurei pela gola da camisa e encostei-o na árvore - Tenha mais respeito a Jolie! Você não tem esse direito. É impossível, se eu a enterrei a um mês. O corpo dela já está podre!
-Mais se eu te dissesse que uma criatura a trouxe para o nosso mundo?
-Quem seria, Zayn Malik?
-Não.
-Okay! Mas, por que ele faria isso?
-Talvez porque, ela está querendo uma guerra.
-Ela?
-Sim, ela quer arrumar uma guerra na qual você e outras pessoas estão metidos.
-Mas quem é ela?
-Uma bruxa. Bom, digamos que antigamente existiam bruxas, eram mulheres determinadas a evocarem forças malignas, a fim de terem um retorno pessoal. Essa bruxa da qual eu falo tem vários nomes, e existe desde os tempos antigos. Ela é aquele tipo de bruxa com verrugas, menos vassouras, porque isso não tem nada a ver. O nome dela é Morgana. Uma das bruxas de Salém, que aproposito... Ela virou uma vampira a uns séculos atrás.
-Até parece que bruxas existem... - dei uma risada irônica.
-Existem! Assim como Deus. - me olhou severamente.
Engoli a seco.
-Mas quer dizer que estamos lidando com uma vampibruxa?
-Esse termo não existe!
-Eu sei, mas estamos lidando com um ser que além de bruxa é vampiro?!
-Suponho que sim.
-Que merda! - disse aborrecida.
De repente tudo some, e eu fui parar no meu carro.
Imediatamente avisto uma placa que dizia: Mississípi. Logo deduzi que talvez o meu alvo estivesse ali.
Estacionei o carro e parei em um motel da estrada.
-Um quarto, por favor!
-Claro, sra?
-Hastings. - disse com um sorriso de canto.
Entrei no meu quarto, tranquei a porta e soltei uma piada, quanto a moça do cheking.
-Idiota, nem percebeu que era roubado aquele cartão de crédito.
-Liguei a tevê, e entrei no banheiro, o tranquei. Liguei a ducha e deixe a água cair sobre mim. Comecei a ouvir passos. Deixei o chuveiro ligado e liguei o rádio para não dar pinta.
Peguei o roupão e me enrolei a ele. Peguei a arma que havia levado pro banheiro, e a engatilhei.
Abri a porta do banheiro e para minha surpresa era...

Continua??

No próximo capítulo eu colocarei gifs! Beijoss de gloss! ;)


You Belong With Me - Personagens


(S/N) Evans
Caçadora

Jolie Evans
Bruxa

Zayn Jawaad Malik
Vampiro

Morgana
Bruxa e Vampira


Niall Horan
Anjo


PS: Os outros rapazes (Harry, Louis e Liam), irão aparecer no de correr com variados papéis, mas é bem provável que anjo, lobisomem ou/e vampiro.
Bjoos!